Defendemos uma Política de Verdade e quisemos uma Lisboa com Sentido. Neste novo ciclo político nasce o Crónicas Lusitanas, de militantes e simpatizantes do PPD/PSD, que querem que este seja um espaço de liberdade, debate e opinião, e sem asfixias..

31
Mai 10

No Sábado, fui a Moura. Sim, no Alentejo.

 

Uma conferência organizada pelo Instituto Politécnico de Beja, com o alto patrocinio da C. Municipal de Moura.

 

Convidados para debater a competividade das cidades, Fonseca Ferreira( ex-CCDR-LVT), Henrique Cayatte ( Designer), Ramont Font (TVE e ex-Sec. do Governo da Catalunha) e eu próprio.

 

A moderação coube á Profa. Ana Paula Figueira do IPL. Excelente trabalho.

 

No final, conclusões pelo Sr. Presidente da C.M. de Moura, José Maria Pós-de Mina.

 

Antes do jantar e a caminho da sala do repasto, uma foto de familia á porta da Sede do PCP em Moura.

 

Com cerca de 8.000 habitantes, Moura é governada pelo PCP com a oposição do PS e sem PSD por perto. A CMMoura emprega 400 funcionários e o maior investimento, 260 milhões de euros, é a central fotovoltaica, a maior da Europa.

 

A proximidade com o Alqueva, transforma Moura numa cidade a seguir com atenção.

 

Vivemos num mundo que exprimenta um processo de constante transformação. Novas oportunidades surgem no nosso próprio território e num contexto internacional.

 

Constituem importantes aliciantes, para assumir desafios decisivos para a modernização da nossa economia,para a melhoria ambiental e para a requalificação das cidades.

 

O novo contexto do território vai ser cada vez mais importante.

 

O que nos diferencia de outros espaços ?

 

O que poderemos decidir e como actuar de acordo com os nossos próprios desejos e necessidades ?

 

Temos um desafio. Trabalhar para termos um território coeso, com uma oferta atractiva de capital fisico e humano, um espaço de bem estar, de qualidade de vida e desnvolvimento sustentável para nós e os nossos filhos.

 

O território da comunidade é um dos recursos fundamentais com que contamos para o nosso desenvolvimento.

 

Um território inteligente.

 

Em Moura, sugeri uma Marca. Moura, uma ECO- CIDADE.

 

Segue-se muito trabalho pela frente.

 

Gostei muito de Moura e vou voltar. Boa sorte.

 

 

Crónica de João Pessoa e Costa às 17:32

Maio 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
22

23
24
25
26
27
28
29

30


pesquisar
 
blogs SAPO